domingo, 25 de novembro de 2018

Review | Filme: Brooklin


Desde que foi lançado em 2015, eu sempre tive muita vontade de assistir Brooklin. Mas somente agora, que a Netflix adicionou o filme ao seu catalogo, foi que realmente conseguir conhecer essa história que foi tão falada por causa das indicações ao Oscar (de melhor filme, de melhor atriz e melhor roteiro adaptado). 

Eilis (Saiorse Ronan) é uma garota irlandesa que tem a chance de mudar de vida quando sua irmã, através do contato de um padre, consegue um emprego e moradia para ela em Nova Iorque, no Brooklin. Embora ela esteja com medo dessa mudança e de ter que se afastar de sua irmã Rose e de sua mãe, Eilis sabe que não terá muito futuro se continuar vivendo na Irlanda. 

Com o coração partido e uma grande tristeza, Eilis começa a estabelecer uma nova vida na América, trabalhando de dia e estudando contabilidade de noite, aos poucos ela vai superando sua timidez e transformando o Brooklin em seu novo lar. Mas é quando ela conhece Tony (Emory Cohen) , um jovem encanador filho de italianos, que realmente Eilis encontra segurança na nova cidade e começa a imaginar um futuro muito mais feliz, mesmo longe de sua mãe e irmã.
Porém, uma tragédia a obriga a voltar para a Irlanda e então ela se vê dividida entre a cidade que era seu antigo lar e a nova vida que ela já tinha estabelecido. 


Brooklin é um filme bem calmo e tranquilo, mas tão cheio de sentimentos que faz você se envolver totalmente logo nos primeiros minutos. A história inteira é trabalhada com tranquilidade e paciência, algo que poderia ser monótono ou entediante, se não fosse tão bem feito. Esse ritmo mais lento dá a chance de você conhecer melhor a protagonista, Eilis, e se envolver no que ela tem vivido. Eu me senti inserida na história, tanto pela ambientação, que fazia com que eu realmente me sentisse nos anos 50, quanto pela forma como que a Eilis é trabalhada dentro dos acontecimentos. 

Eilis é uma garota gentil, quieta e doce. Ela não tem muitas condições e logo quando chega em Nova Iorque se encontra em um mundo bem mais glamouroso e com tantas novas oportunidades que antes nem imaginava que fossem possíveis para alguém como ela. O que mais me tocou no filme foi que o romance demorou a ser inserido. A história de Eilis também não gira em torno disso, mas sim da sua nova história, uma garota irlandesa na América. E o crescimento da personagem é maravilhoso, desde o começo ao fim.



Isso não significa que o romance não é maravilhoso, pelo contrário. Eu gostei muito da forma como foi tratado o relacionamento dela com Tony, o crescimento do amor que eles sentem um pelo outro foi completamente convincente, justamente porque foi mais lento, mais real. E fora que Tony é um cara incrível, que apoia e ama a Eilis, ou seja,  aquele tipo de personagem que você se apaixona assistindo.

Quando Eilis precisa voltar para a Irlanda e as coisas começam a mudar dentro dela e na sua vida, meu coração ficou super apertado. Eu torci muito para que ela tomasse determinada decisão, mas ficava aflita a cada novo minuto que passava. Embora eu tenha ficado chateada com algumas das coisas que aconteceram durante a história, eu gostei muito do final e achei incrível como conseguiram criar personagens cativantes, encantadores e que trazem tantos sentimentos e dúvidas reais. 

figurino do filme Brooklin
O figurino da série é completamente incrível. Deu vontade de viver naquela época e usar todas aquelas roupas incríveis.

Brooklin é realmente um filme calmo, mas extremamente acolhedor. Você se sente facilmente conectado aos personagens e a história traz uma sensibilidade gigantesca, especialmente na questão de entender o que realmente é "lar", como viver com o coração dividido entre dois lugares, como recomeçar em um novo lugar e como todas essas mudanças podem nos transformar em uma nova pessoa. Já deu para perceber que eu me apaixonei pelo filme, né? Infelizmente eu não sabia que havia um livro, mas há.


Brooklin (2015)

Duração: 111 minutos
Direção: John Crowley
Biografia, Drama, Romance



21 comentários:

  1. Olá, Aléxia!
    Acabei de conhecer seu blog e me deparo com essa resenha encantadora e você ainda tem dois livros publicados! Que incrível!
    Não conhecia Brooklin, mas provavelmente vou assistir, amo filmes bem construidos (e você ainda mencionou que tem o livro aaaa) e pelo que pude ver a direção de fotografia parece ser lindíssima. É muito bom quando filmes são contados nesse ritmo mais parecido com a realidade, me prende demais.

    Adorei te conhecer. Um abraço!
    baudogirassol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi! Parece ser um filme com um clima que nos deixa confortáveis, sem grandes viradas, mas com muitos significados. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  3. Oi Aléxia,
    Eu amo esse filme, deu até vontade de rever.
    A Saoirse tá maravilhosa e amo como a personagem dela vai evoluindo e tals.
    E o romance conseguiu me surpreender um pouco. E esse figurino e de babar mesmo.

    até mais,
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  4. Não conheço o filme. A fotografia parece muito bonita. Vou querer assistir.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, Aléxia!
    Por você dizer que é um filme calmo, eu já sei que ele vai ser um pouco tedioso para mim. Mas fico feliz que tenha gostado.
    E eu adorei esse figurino. Para mim é uma das melhores modas é a do início do século XXI.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  6. E esses looks maravilhosos? Ainda não conhecia Brooklin, mas ele realmente parece ser bom, é bem a representação da vida mesmo né? Nós temos medo de mudanças e quando finalmente resolvemos tomar uma atitude acaba acontecendo alguma surpresa.

    Blog Covil Dourado | Facebook

    ResponderExcluir
  7. eu ADORO esse filme,vi ja faz um tempo na epoca do lançamento e adoro a historia, os figurinos entao maravilhosos!muita boa sua indicação por aqui!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  8. Alexia, não conhecia esse filme, mas fiquei morrendo de vontade de assistir!
    Adoro filmes de época, então já é um fator que me atrai e muito. xD

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  9. Amei sua resenha, essa é a primeira vez que vejo alguém falar desse filme, gosto muito do gênero, tenho certeza que ele vai ser escolha certa por aqui!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  10. Gostei da sua indicação de filme, ainda não assisti ao filme. Mas, adoro a a atriz!

    Um beijo,

    www.purestyle.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá, Aléxia.
    Eu acho que assistiria a esse filme só por conta do figurino que parece estar incrível hehe. E eu querendo ir morar na Irlanda e ela querendo sair de lá hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Oi, Aléxia

    Saoirse injustiçada do Oscar! Eu amei esse filme, realmente é bem calmo, mas super significativo. O figurino está um desbunde de tão lindo mesmo, eu fiquei babando quando assisti! Hahahaha

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  13. Eu não achei a história lá essas coisas, mas a fotografia e o figurino são belíssimos.
    Boa semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  14. eu gosto da ideia de ver esse filme só pela fotografia pq nossa senhora que cores lindas, mas a premissa não me atrai muito.
    http://www.seguindoocoelhobrancoo.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Aaaaaa não sabia que tinham adicionado esse filme na Netflix! Já vou marcar aqui na lista pra ver. Eu adoro essa atriz! E gostei do enredo do filme, pelo o que você escreveu. Gostei de saber que o romance não é o foco principal e sim essa mudança da personagem. Um arraso esse figurino também. Adorei! Quero muito assistir. Vi ali que é uma biografia, então é baseado em fatos reais?
    Beijos!

    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  16. Dica anotada, acredito que vou gostar do filme, sem contar que já amei a fotografia e o figurino. Tenha um ótimo dia, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    www.paisagemdejanela.com

    ResponderExcluir
  17. Com certeza a resenha desse filme me prendeu já fiquei desejando assistir!
    Beijoss
    www.silalmeida.com

    ResponderExcluir
  18. Esse filme é uma graça, também fiquei apaixonada na história do casal, é leve, assistiria de novo com certeza!

    www.coisasdepriscila.com
    Instagram l Beijo.
    Nos encontramos toda seg, qua e sex.

    ResponderExcluir
  19. Eu estou apaixonada pelas fotos, a direção mandou bem mesmo ein? Eu gostei muito da resenha e ja entrou na lista para assistir em 2019 u.u

    http://www.dosedeestrela.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Você acredita que eu dei de cara com esse filme no catálogo da Netflix ontem e quase cheguei a assisti-lo. Com o seu relato, com certeza vou vê-lo ainda essa semana. Adorei o enredo e a fotografia é a coisa mais linda. Obrigada pela indicação! ♡

    Sabrina Santiago | www.mocadecasa.com

    ResponderExcluir
  21. Desde que lançou sou doida pra assistir até porque amo essa atriz.
    Agora que tem na Netflix, não eixarei de conferir.
    beijos
    https://recolhendopalavras.blogspot.com/

    ResponderExcluir

BlogsBrasil